Back To You

Essa semana eu fui fotografar novamente depois de passar um bom tempo sem fazer isso. Daí comecei a lembrar do primeiro contato que tive com a profissão de “influenciador digital”.

Quando eu comecei o blog eu não sabia qual era a minha verdadeira intenção com ele, mas eu sabia/sei onde quero chegar.

Eu comecei sem saber nada sobre esse universo dos blogs, na verdade eu não tinha ideia de como iniciar esse “projeto” e a única coisa que me inspirava e me motivava, eram os influenciadores que já trabalhavam com isso a muito tempo. E foi acompanhando o trabalho deles que eu me apaixonei por essa profissão.

Só que de algumas semanas pra cá, eu venho deixando essa paixão de lado pra fazer coisas que na real eu não gosto tanto.

O fato é que eu tinha esquecido de como é bom sentar e criar algo bacana pra vocês. E foi esse sentimento que me fez deixar a preguiça de lado e correr atrás daquilo que eu realmente quero pra mim.

Eu ainda não me considero um influenciador digital, mas vamos dizer que estou no caminho e pronto para fazer a coisa acontecer.

2 comments on “Back To You

  1. Eu entendo muito bem o que você quer dizer… Por que será que as vezes vamos por um caminho que não esta nos fazendo bem? Que não é nada daquilo que realmente queremos? As vezes por que é o tradicional… Parece que trabalho é só ter registro na carteira e ocupar cargo numa empresa das 9 ás 18hrs… Pior é que acabamos nos convencendo disso pq é o que “todo mundo faz”… Há um tempo atrás eu tive medo de correr atrás dos meus sonhos, daquilo que eu me sentia bem fazendo justamente por isso… Por ser algo diferente daquilo que todos estão acostumados… O preconceito é grande com bloggers, youtubers, mas a coisa é não se influenciar pelo que as pessoas falam e seguir nosso caminho…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *